Tempo de leitura: 1 minuto


A direita em Roraima

Acabo de ler a edição especial da revista Caros Amigos sobre a direita brasileira. A publicação mensal tenta mapear quem representa, como está e qual os tentáculos da direita no País. A conclusão é que os direitistas não mudaram muito o seu modus opernadi nem a sua face mais conservadora. A direita no Brasil ainda é presentada por latifundiários, empresários do agronegócio, militares, integrantes de igrejas evangélicas, partidos políticos.

Fazendo uma análise da situação política, econômica e social de Roraima podemos afirmar, sem medo de errar, que a elite local tem a feição mais representativa da direita conservadora do país. Aqui os latifundiários, empresários rurais, políticos e a Igreja, com menos intensidade, defendem o direito da propriedade a qualquer custo. Ao ponto de interditar estradas, entradas de cidades etc. na defesa daquilo que acreditam ser um direito seu inalienável: a manutenção em seu poder de grandes porções de terras. Muitas vezes essas terras estão concentradas em áreas destinadas aos povos indígenas. E aí gera-se um grande conflito de interesses dos dois lados.

Os direitos dos indígenas, dos pequenos agricultores, das minorias em geral que se danem. As ações doIncra na desapropriação de terras ocupadas ilagalmente ou negociadas ilegalmente, pois que faziam parte de programa de assentamento de pequenos produtores, causam um verdadeiro frisson nos reprensenantes da direita local. Eles se reúnem em confrarias e passam a debater com veeêmencia forma de pressão sobre o governo para que pare com essas medidas que atentam contra seus interesses.

É impressionante como um estado com população tão pequena tenha em seu tecido social a maior parcela, proporcionalmente, da direita conservadora brasileira. Aqui se encontram batalhões das Forças Armadas; daqui são os políticos mais conservadores, todos eles donos de grandes propriedades; aqui estão os empresários que não estão nem aí para os direitos das minorias indígenas. Aqui é Roraima.

Comente com o Facebook