A escolha do deputado estadual Oleno Matos (PC do B) para ser vice da governadora Suely Campos (progressistas) contou com um um forte trabalho de articulação de bastidores.

Um dos políticos experientes que se empenharam na articulação para convencer Oleno a desistir da sua pré-candidatura a deputado federal e aceitar compor chapa com Suely foi o ex-deputado federal e pré-candidato a senador, Luciano Castro (PR).

O entendimento é que Oleno confere equilíbrio a qualquer chapa, dada a leveza do seu nome e a sua boa aceitação e trânsito nos mais diversos grupos, conforme disse o deputado estadual Soldado Sampaio (PC do B) em entrevista a este blogueiro, no programa Direto ao Ponto desta quinta-feira (26).

Além de Suely outros pré-candidatos ao governo, como José de Anchieta (PSDB) e Antônio Denarium (PSL) “namoraram” Oleno Matos com o objetivo de tê-lo como seu companheiro de chapa, na condição de vice.

Oleno esteve bem perto, por exemplo, de aceitar o convite de Anchieta para ser seu vice. Foram várias as conversas com o tucano, até que o assunto fosse dado por encerrado. Com Denarium não foi diferente. Oleno acabou seguindo o caminho, para ele natural, de compor chapa com Suely.

Comente com o Facebook