Boa Vista está virando um depósito de gente, diz Joaquim Ruiz ao criticar medidas do Governo Federal voltadas a imigrantes

Boa Vista está se transformando num depósito de seres humanos. A afirmação foi feita pelo deputado Joaquim Ruiz fez nesta terça-feira (27), em pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa, quando o parlamentar disparou críticas às medidas adotadas pelo Governo Federal para minimizar os efeitos da crise migratória em Roraima.

Para Ruiz, as ações anunciadas e desenvolvidas até aqui são paliativas e insuficientes para levar melhorias para os venezuelanos e mitigar os problemas criados pela entrada de milhares de imigrantes no País até então sem nenhum controle.

Joaquim Ruiz lembrou em 2016 fez um pronunciamento também na tribuna da Casa, alertando que Roraima poderia sofrer sérias consequências decorrentes do aumento do fluxo migratório. O parlamentar destacou que a Colômbia já adotou medidas para dificultar a entrada de venezuelanos no país. “A Colômbia está impondo uma série de exigências para conter o fluxo migratório em sua fronteira”, registrou.

O deputado disse que ao abordar o assunto não tinha a intenção de pregar a proibição à entrada dos imigrantes em Roraima, mas afirmou que a capacidade de solidariedade da população roraimense chegou ao limite. Ele queria alertar sobre a necessidade de se pensar em projetos e ações efetivas que possam minimizar os efeitos negativos da migração.

“Quem mais está dando a contribuição para as pessoas mais necessitadas da Venezuela é o Governo do Estado e a população de Boa Vista”, disse Ruiz. “Os outros poderes até agora [só fizeram] muito discurso e [apresentaram] pouco resultado”, completou, salientando que o sistema de saúde também está com a sua capacidade de atendimento exaurida.

Ruiz disse ainda que a crise migratória já afetou o setor de segurança pública. Segundo o parlamentar, todas as medidas anunciadas pelo presidente da República, Michel Temer, têm se mostrado paliativas. Enquanto isso, o fluxo migratório não para de crescer. “Nós estamos vendo Boa Vista se transformar num depósito de gente. Os imigrantes estão em todas as partes de Boa Vista”, lamentou.

O deputado afirmou ser preciso se pensar em projetos de qualificação profissional para os migrantes de forma que eles possam ser absorvidos pelo mercado de trabalho. Ruiz disse que a Prefeitura de São Paulo anunciou que só terá condições de receber 360 imigrantes venezuelanos no final de abril. Manaus, por sua vez, só tem condições de receber 180. “O discurso está muito bonito, mas apenas para a opinião pública brasileira. Tanto assim que a mídia nacional está dando destaque diariamente à situação que estamos enfrentando”, destacou.

Envie e-mail para luizvalerio@blogdoluizvalerio.com.br com dicas e sugestões de pauta e temas.
Qual a sua opinião a respeito dos tópicos desta coluna? Diga no espaço dos comentários abaixo.

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!