Brito Bezerra defende fechamento de fronteira na tribuna da Assembleia

O deputado Brito Bezerra (PP) defendeu o fechamento da fronteira do Brasil com a Venezuela em Pacaraima, em discurso feito na tribuna da Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (15). Na ocasião, Brito falou sobre a situação dos serviços públicos, como Saúde e Educação, tendo em vista a crise imigratória.

Na área da Saúde, de acordo com o parlamentar, o Hospital Délio de Oliveira Tupinambá, em Pacaraima, realizou 10.368 atendimentos, dos quais 6.600 são venezuelanos. No Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth, até o mês de junho deste ano, foram realizados 571 partos de mulheres venezuelanas.

Brito apresentou ainda dados relacionados à Educação, e disse que havia apenas 12 alunos estrangeiros matriculados nas escolas estaduais antes da crise migratória, número que neste ano subiu para 1.865.

“Isso é gravíssimo, requer sim o empenho de todas as autoridades do Estado. Como vamos conseguir atender o povo brasileiro e os venezuelanos? Temos que ter apoio integral do Governo Federal diante dessa crise humanitária para dessa imigração”.

O parlamentar relata que diante da falta de apoio da gestão federal e da sobrecarga dos serviços públicos, uma forma de se ter o controle é o fechamento da fronteira em Pacaraima.

“Tem que fechar a fronteira, dizer um não, um basta! Precisamos nos posicionar e temos que correr o risco. O que vão fazer por nós brasileiros?”

Brito Bezerra recebeu apoio dos deputados Gabriel Picanço (PRB) e Oleno Matos (PC do B), quanto seu posicionamento.

Sob a supervisão editorial de Luiz Valério

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!