Conforme anunciado na sessão da última terça-feira (3), pelo vereador Renato Queiroz (PSB), esta sexta-feira (6) será o último dia da prefeita Teresa Surita (MDB) à frente da administração de Boa Vista. Fontes da prefeitura confirmaram agora há pouco que Teresa deixará mesmo o cargo amanhã. Uma vez concretizado seu afastamento, o jogo eleitoral começa para valer em Roraima no tocante à disputa pelo governo.

Na terça-feira, o vereador Zélio Mota (PSD), líder da prefeita na Câmara Municipal, disse em discurso na tribuna da Casa que um grupo de 13 vereadores se reuniram com Teresa na segunda-feira para declarar seu irrestrito apoio à sua decisão de deixar a prefeitura para concorrer ao governo.

Mesmo assim, ainda existem algumas pessoas céticas quanto à decisão de Teresa deixar a prefeitura para disputar o governo, apesar de que esta parece ser uma questão incontornável, mas que só deverá se concretizar nesta sexta.

Este blogueiro conseguiu apurar que a reunião ocorrida no final de semana envolvendo o senador Romero Jucá (MDB), o ex-governador José de Anchieta (PSDB), o deputado estadual, Jalser Renier (SD) e o ex-deputado federal, Luciano Castro,(PR), com o objetivo de tentar convencer Jucá a abraçar a candidatura de Anchieta em detrimento do apoio a Teresa foi o que fez os vereadores se unirem para deflagrar o movimento em defesa da candidatura da prefeita da capital ao governo.

Os vereadores quiseram mostrar que um grupo reduzido de políticos não pode definir quem pode ou não ser candidato e ainda querer mandar na Câmara Municipal. Aliás, algumas falas de terça-feira, como a do próprio Renato Queiroz, apontaram nessa direção.

Uma vez decididos a apoiar a candidatura de Teresa, os vereadores disseram que vão fiscalizar a gestão do vice Arthur Henrique e darão o suporte necessário para que não haja nenhuma perda em termos de qualidade nos serviços até então prestados pela Prefeitura de Boa Vista.

Comente com o Facebook