senador-romero-jucá

É o fim da era jucariana no Senado. Jucá, tchau querido!

O resultado do primeiro turno das eleições 2018 aqui em Roraima foi o que se pode chamar de surpreendente. O candidato Antônio Denarium (PSL) superou seu concorrente José de Anchieta (PSDB) em número de votos e foi para o segundo turno com o tucano na primeira colocação desta etapa inicial da disputa pelo governo. Denarium obteve votos, 113.468 enquanto Anchieta ficou na segunda colocação com 104.114 sufrágios.

Esse resultado da eleição para governo mostrou, mais uma vez, que o Ibope estava errado quando ao seus prognósticos em Roraima. Errou feio nas projeções para a disputa pelo Palácio Senador Hélio Campos e muito mais na briga de gigantes pelas duas vagas no Senado. O resultado acabou sendo aquele que para muitos parecia improvável.

Chico Rodrigues (DEM) superou todas as expectativas e terminou a votação em primeiro lugar, assegurando a primeira vaga na Câmara Alta do País com 111.466 votos. Mecias de Jesus (PRB) protagonizou uma disputa emocionante com o senador Jucá (MDB), e ficou com a segunda vaga na Câmara Alta do País. Mecias obteve 85.366 votos e Jucá 84.940.

eleicao-para-senador-em-roraima
Resultado da eleição para o Senado em Roraima

Dessa forma, está na reta final a era jucariana no Senado. Por essa Jucá não esperava. Ou era exatamente isso que ele temia.

A partir de 2019, o influente senador roraimense não terá mais foro privilegiado e certamente precisará acertar suas contas com a Justiça Federal, em decorrência das inúmeros denúncias de corrupção que responde no Supremo Tribunal Federal (STF), devido ao seu envolvimento em esquemas de corrupção desvendados pela Operação Lava Jato, conforme vários delatores.

O dia de votação transcorreu tranquilo com algumas pequenas ocorrências de infrações eleitorais, segundo a Polícia Federal e o Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR). Durante a madrugada de sexta-feira (5) para sábado (6), a prefeita Teresa Surita (MDB) fez circular uma carta em que pedia votos deliberadamente para Jucá, dizendo que precisava do apoio político do emedebista para continuar trabalhando por Boa Vista.

A carta apelava para um tom emocional, mas não conseguiu reverter o desejo de mudança da população, que decidiu retirar o mandato do político roraimense.

Quando a derrota de Jucá estava se consolidando, começou a circular um áudio nos grupos de WhatsApp atribuído ao deputado Jalser Renier (SD), acusando o tucano José de Anchieta e a deputada federal Shéridan pelo fracasso do senador nas urnas. No áudio atribuído a Jalser, ele faz ameaças a Anchieta pela derrota do seu aliado. Não se sabe ainda se o áudio é verdadeiro ou falso.

O fato é que a derrota de Jucá nas urnas muda a configuração política em Roraima e faz surgir novas forças no cenário local. O grande vitorioso dessa contenda política foi, sem sombras de dúvidas, Chico Rodrigues, um político experiente que há algum tempo parecia completamente alijado do vida pública.

Agora, dá para repetir com Jucá o que seus aliados peemedebistas disseram com a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) quando do seu impeachment. Jucá, tchau querido.

eleicao-para-o-governo-em-roraima
Resultado da eleição para o Governo de Roraima

Jucá falou sobre sua derrota nas urnas em vídeo no Facebook e atribuiu seu insucesso “às mentiras e fake news” divulgadas nas redes sociais:

Veja o vídeo aqui

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!