Estado tem 10 dias para regularizar serviço de transporte escolar no PA Vila Sumaúma

A Justiça deu o prazo de 10 dias para que o Estado de Roraima regularize os serviços de transporte escolar dos alunos da Escola Estadual Nova Esperança, no Projeto de Assentamento Vila Sumaúma em Mucajaí, sob pena de multa de R$ 5.000,00 por dia letivo em caso de descumprimento.

O pedido atendeu à reclamação realizada por pais de alunos da Escola estadual Nova Esperança, no PA Vila Sumaúma. De acordo com a denúncia, os estudantes estão faltando às aulas, por conta da falta transporte escolar, que deveria ser fornecido pelo Estado.

Em novembro de 2016, após intervenção do MPRR, a justiça determinou que o Estado de Roraima ofertasse, com urgência, transporte escolar a todos os alunos matriculados na rede estadual de ensino situados no município de Mucajaí.

Para o promotor de Justiça de Mucajaí e autor do último pedido, Ulisses Moroni, a omissão do Estado afasta os estudantes de qualquer perspectiva futuro educacional. “Os alunos residem na zona rural e necessitam do transporte para irem à escola. Mas infelizmente, o que se vê é o descaso e negligência por parte do governo estadual”, lamenta.

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!