Sessão da Câmara Municipal de Boa Vista nesta terça-feira

Mais transparência e menos “mi-mi-mi” na Câmara de Boa Vista

As notas publicadas na quinta-feira (22 de novembro) aqui no Blog do Luiz Valério sobre a falta de prioridade no pagamento do servidores da Câmara Municipal de Boa Vista – enquanto os membros da Mesa Diretora viajavam para fazer cursos de capacitação – foram tema de acalorados debates na sessão desta terça-feira (27 de novembro) na sessão ordinária da Casa. O presidente da Câmara, vereador Mauricélio Fernandes (MDB), demonstrou irritação com o blog por ter registrado a insatisfação dos servidores com a falta de pagamento na data costumeira, ou seja, o dia 22 de cada mês.

Mauricélio quis comparar a situação dos servidores da Câmara com a dos funcionários estaduais, que estão há quase dois meses sem receber salário. O vereador exibiu um vídeo piegas e apelativo para fazer a comparação. Demonstrou, assim, inaptidão para o escrutínio da sociedade sobre suas ações enquanto ordenador de despesas. Num ambiente democrático, os representantes eleitos pelo povo devem ser, e serão, fiscalizados por este mesmo povo. Não sabe ele que esta é uma das premissas da vida em democracia?

Em meio ao debate, o presidente da Câmara negou que o salário dos servidores estivesse atrasado. O vereador Linoberg Almeida (Rede) sustentou que sim. Mauricélio disse em conversas reservadas que, se quisesse, poderia pagar o salário dos funcionários da Casa até o dia quinto útil de cada mês, como ocorre com a Prefeitura de Boa Vista. Porém, ele tornou praxe no Legislativo Municipal pagar o salário até o dia 22 de cada mês, fazendo com que os servidores da Câmara programassem suas despesas para ser quitadas a partir desta data. Quando o salário não cai na conta, os prejuízos decorrentes da cobrança de juros no cartão se acumulam.

No mais, se havia dinheiro na conta da Câmara porque, então, não pagar o salário dos servidores na data já de costume? Porquê dar mais atenção ao pagamento de diárias de funcionários comissionados que, supostamente, vão fazer cursos de capacitação fora de Roraima? Aliás, no Diário Oficial do Município desta terça-feira (27 de novembro), saiu a publicação de mais um lote de diárias pagas antecipadamente para que comissionados da Casa viajem para fazer cursos. Se depender dos investimentos feitos em cursos de capacitação, os assessores da Câmara de Boa Vista serão os mais qualificados do País, tantas são as viagens para qualificação e diárias pagas para capacitação.

Chama a atenção, no entanto, que a grande maioria das diárias seja liberada apenas para assessores de vereadores. São, portanto, pessoas detentoras de cargos comissionados. Basta uma olhadela no Diário Oficial do Município (DOM) para se perceber que quase nunca existe o nome de um servidor efetivo da Casa entre os beneficiados com o pagamento de diárias. Porque será? Não adianta espernear e dizer que a imprensa está criticando injustamente a Câmara. Porque contra fatos não há argumentos. Também não adianta querer desqualificar o blog, insinuando que este jornalista teria sido pago para escrever sobre o assunto. Isso é bravata. Despreparo. Desespero.

De sua parte, o vereador Rômulo Amorim, um dos membros da Mesa da Câmara que viajaram com diárias pagas e deixaram os servidores a ver navios, na semana passada, também quis desqualificar a notícia publicada pelo blog, chamando-a de factoide. Não colou. Vereador Rômulo, como assim factoide, se até ontem o salário dos servidores ainda não tinha sido pago? Quer realidade mais palpável do que esta? Será mesmo que o ilustríssimo vereador sabe o real significado da palavra factoide? Aliás, este blog acabou pautando outros veículos de comunicação que aprofundaram o assunto e publicaram extratos com valores gastos pela Câmara nos últimos meses.

Este jornalista tem e sempre terá compromisso com a verdade. E vai continuar publicando as matérias que considerar de interesse coletivo e, portanto, pertinentes. Isso, independente dos beicinhos e muxoxos que façam os vereadores. De nada adianta o presidente Mauricélio, feito menino birrento, dizer que não vai mais dar entrevista ao blog. Existem muitas maneiras de se apurar as notícias. As matérias que provocaram a discussão desta terça-feira na Câmara são uma demonstração disso.

Aos vereadores que ainda não aprenderam a conviver com a dinâmica da democracia cabe cair na real e reconhecerem que eles devem, sim, satisfação à sociedade. E a imprensa vai seguir fazendo seu papel, cobrando e fiscalizando. Sempre.

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!