Medidas de combate à corrupção são essenciais para mudar o Brasil, diz Wirlande

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

A Transparência Internacional e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) lançaram conjuntamente 70 propostas que visam atacar a prática da corrupção em 12 frentes, promovendo a integridade no setor público e privado. Este é considerado o maior pacote anticorrupção da história.

Com o objetivo de garantir sua discussão, aperfeiçoamento e aprovação, foi criada uma coalizão de organizações da sociedade civil que elaborou uma grande campanha, cujo objetivo é incentivar os brasileiros a escolher senadores e deputados federais que agreguem três requisitos básicos: passado limpo, apoio à democracia e endossem as novas medidas quando forem discutidas no Congresso Nacional.

O médico e pré-candidato a deputado federal Wirlande da Luz (PROS) diz que a corrupção sistêmica que destrói o país e envergonha os cidadãos. Para ele, “tais medidas só terão êxitos se elegermos deputados e senadores que não estejam envolvidos em corrupção e que tenham compromisso e respeito pelo povo”.

Comente com o Facebook