Projeto que beneficia bombeiros é aprovado na Assembleia

Na última terça-feira (28), foi aprovado, em primeiro turno, o projeto de lei complementar, que retira a exigência do intervalo de dois anos para a promoção dos bombeiros militares de Roraima. A legislação altera as leis complementares nº 136/2008 e a nº 052/2001, e se aplica aos profissionais do Quadro Especial de Praças Bombeiro Militar. Por se tratar de um Projeto de Lei Complementar, a matéria segue para votação em segundo turno.

“Esse projeto vem para corrigir uma injustiça entre os bombeiros e policiais militares. Alguns benefícios foram estendidos para a Polícia Militar, mas não para os bombeiros.”, explicou o deputado Coronel Chagas (PRTB), ao ressaltar que esse procedimento já é aplicado aos policias militares.

O deputado Soldado Sampaio (PCdoB) apontou que a lei vem para buscar isonomia na legislação dos policiais militares e os bombeiros. Ele citou como exemplo a realização do curso de capacitação das classes para a integração do Quadro Especial, e quando a lei estiver em vigor, o soldado não precisará passar por um teste físico, e apenas será contabilizado o tempo de serviço.

“É um projeto simples que faz a diferença na vida dos militares do corpo de bombeiros”, comentou.

A categoria considera um ganho significativo, pois a lei anterior determinava que o tempo de promoção fosse de seis anos, mas esse tempo foi reduzido para cinco. “Essa lei tratou da quebra de interstício de nove das dez categorias que integram a Polícia Civil. Isso reduz o tempo para ser promovido”, explicou o presidente do Sindipol, Leandro Almeida, à época da sanção, ao destacar que esse procedimento já era válido para os policiais militares e bombeiros em Roraima.

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!