Teresa anuncia sua pré-candidatura ao governo. “Quero salvar Roraima”, disse ela

Acabou o mistério e a expectativa. A prefeita de Boa Vista, Teresa Surita (MDB), anunciou ontem, durante o programa Linha de Frente, da Rádio Equatorial (93 FM), sua pré-candidatura ao Governo de Roraima. A gestora da capital disse que precisa fazer algo para salvar o estado. Teresa terá que renunciar ao atual mandato até o dia 7 de abril para concorrer ao governo. Em seu lugar ficará o desconhecido vice-prefeito Arthur Henrique.

Teresa disse que decidiu renunciar ao cargo de prefeita para disputar o Governo de Roraima por ter percebido que sua pré-candidatura conta com grande apoio popular. Seus adversários, no entanto, começaram a disparar críticas nas redes sociais, afirmando que ela vai abandonar Boa Vista, depois de ter prometido na campanha de 2016 que concluiria seu quinto mandato de prefeita

“Eleição para mim não é uma aventura”, afirmou Teresa ao seu entrevistador. Ela admitiu que sempre quis governar Roraima. Este é, na verdade, um sonho antigo seu. “Embora não fosse meu objetivo agora, eu sempre quis governar meu Estado. Quem não sonha um dia governar seu Estado? Eu não sou diferente”, disse Teresa.

Faz muito tempo que se cogita que Teresa poderia ser candidata ao Governo de Roraima. No final de 2017, no entanto, ela disse que só pensaria no assunto este ano, quando anunciaria sua decisão por concorrer ou não ao cargo máximo do estado. Finalmente, o anúncio foi feito neste domingo na emissora de rádio do seu maior aliado político, o senador Romero Jucá.

Caso a candidatura de Teresa se confirme, ela vai enfrentar uma concorrente impopular (Suely Campos), mas decidida a fazer de tudo para se reeleger. E com a máquina administrativa nas mãos.

Mas, creio que essa não será a principal pedra no sapato da futura candidata. A pedra maior, a incomodar e causar calos e danos será a oposição da maioria dos deputados estaduais, que, alinhado com Jalser Renier (Solidariedade), têm calafrios só de pensar numa Teresa governadora.

Teresa aparece na frente em todas as sondagens feitas para consumo interno com vistas à disputa pelo governo. Tem um invejável índice de aprovação e venceu as eleições municipais de 2016 com quase 80% dos votos válidos.

No mais, sua administração é reconhecida como muito boa e ela tem sido destaque como prefeita em nível nacional. Tem, portanto, cacife para governar bem o estado, caso se candidate de fato e vença a eleição.

As pedras do jogo de xadrez político estão se movimentando em ritmo acelerado em Roraima.

Comente com o Facebook

Leave a Reply

Assine nossa Newsletter

Assine nossa Newsletter para receber as últimas notícias e atualizações feitas por nossa equipe!

Sua inscrição foi feita com sucesso!