Uma oficial de justiça esteve na Câmara Municipal na manhã desta terça-feira (7) entregando um mandado de citação oriundo da Primeira Vara da Fazenda Pública de Boa Vista para todos os vereadores da capital.

O mandado está relacionado com a decisão liminar da justiça, que ainda no começo da atual legislatura revogou o reajuste salarial aprovado pela Casa no final de 2015. Naquele ano, os vereadores em final de mandato aumentaram de R$ 10 para R$ 15 mil. A justiça anulou liminarmente o reajuste em 2016.

A oficial de justiça que esteve na Câmara mandou chamar um a um os 21 vereadores e lhes entregou o mandado de citação. Aqueles que demoraram a ir receber o documento, tiveram ele entregue em mãos, no plenário, pela oficial.

Um parlamentar que foi notificado, disse ao blog que o documento faz parte do rito processual referente referente à decisão liminar que revogou o reajuste salarial dos vereadores. Para ele, apenas mais uma forma de protelar uma decisão final sobre a questão.

“Esta é uma forma de fazer o processo se arrastar. Se em algum momento a justiça decidir a favor dos vereadores, a Câmara terá que pagar os retroativos a cada um de nós referente a todos os meses que deixamos de receber os R$ 15 mil”, disse.

Comente com o Facebook